Arquivos mensais: abril 2011

JLo invadindo sua mente

Por em |

Para quem achou que Jennifer Lopez já era carta fora do baralho, se surpreendeu bastante nos últimos tempos, quando a gata surgiu do nada com uma versão estilizada da lambada mais conhecida do mundo. Isso era On The Floor! Depois de levar todo mundo ao delírio com essa mistura, JLO quis ir mais alto e decidiu tirar o seu projeto da gaveta: LOVE? seria lançado.

Com uma produção de peso, JLO também não quis fazer feio e manteve algumas referências latinas em algumas músicas, mas o electropop atual dominou o álbum que super valorizou a voz da morena. O lançamento do cd está previsto para o dia 3 de maio, mas já vazou na rede e todo mundo pode ouvir mais um ótimo lançamento de 2011.

On The Floor é o carro-chefe dessa JLO repaginada e com muito paetê que surgiu do poço do flop com força total. IMPOSSIVEL não ter escutado essa música durante esses últimos meses. Logo vem Good Hit que é uma batidona bem R&B. Na mesma sintonia segue I’m Into You com featuring do arroz de feat Lil Wayne, que tem um ritmo bem latino. Pra quebrar o clima R&B chega Love? que é ótima. Eu adorei muito essa faixa pelo fato dos sintetizadores estarem bem clean e terem deixado o refrão bem chiclete. Run The World achei tão Mariah que não consegui acompanhar essa faixa, apesar de ser boa não consegui gostar tanto. Papi é toda trabalhada no bate forte o tambor e lembra bastante o ritmo latino.

A baladinha Until It Beats No More consegue te prender e só faz você querer cantar no refrão. Essa JLO que eu estava com saudades!! One Love é outra faixa R&B que destoa o álbum no sentido bom. Invading My Mind traz o batidão das pistas de dança de volta. Essa faixa é uma parceria de Lady GaGa com Red One. Nem precisa dizer que é uma das minhas preferidas desde que vazou, rs. Villain também é outra faixa que merece destaque por não ser muito barulhenta. Starting Over me lembrou muito as músicas da Shakira, mas mudei de opinião depois de ouvir o refrão que parece ser libertador. E por fim, pra fechar com chave de ouro tem a bonus track Hypnotico que também é uma parceria da duplinha GaGa x Red One, e eu achei que ela devia fazer parte do tracklist e ser lançada como single até. A produção é fantástica e toda elétrica. Impossível ficar parado ouvindo. As demais bonus do iTunes Rip achei descartáveis, já que não combinam com o álbum em si, apesar de também serem ótimas faixas. Funcionando assim, como presente aos fãs.

Jennifer Lopez e todos os produtores envolvidos deram o melhor de si nesse trabalho, que ficou muito bom. Achei que valeu a espera e toda a valorização do talento da nossa latina preferida. Apesar do álbum ter acertado em cheio, ora lembrava a sonoridade do “Inside Out” da Kat Deluna e o recém lançado “Killer Love”, da Nicole Scherzinger. Talvez seja por ser a mesma produção encarregada, ou por recorrerem ao Red One.

Enquete

Por em |

Por favor, responda a pequena enquete para que eu possa melhorar o blog. Sinto que preciso estreitar os laços com os leitores dessa bagaça.

Obrigado!!

EDITANDO

Obrigado a todos que contribuiram com a enquete e me ajudou com algumas questões do blog.
Espero que gostem das novidades que virão em breve. :smile:

Todas querem Red One

Por em |

Há um tempo atrás, eu havia postado uma experiência de música: a remixtape
Eu gostei muito de faze-la e resolvi repetir a brincadeira. Porém nenhuma tinha um tema ou um resultado que me agradasse. Tanto que resolvi reunir as melhores músicas produzidas pelo Red One e juntar numa lista só. O resultado você confere abaixo:



1. Nicole Scherzinger – Poison
2. Jennifer Lopez – On The Floor
3. Kat Deluna – Party O’Clock
4. Porcelain Black – This Is What Rock n Roll Looks Like
5. Lady GaGa – Just Dance

** Download**

Para quem não sabe, o Red One é o produtor responsável pelo sucesso estrondoso da Lady GaGa e da nova carreira da Jennifer Lopez e Nicole Scherzinger. Tem como não amar?

Obs.: Não upei no Soundcloud porque o mesmo não permitiu.

Baú Pop: Shania Twain

Por em |

Nos dias de hoje se Taylor Swift e Paula Fernandes comandam as paradas “countrys”, em um tempo não muito distante, Shania Twain mostrava que mulher tinha voz sim nesse gênero que era mais cantado por homens ou bandas.

Shania ficou mais conhecida aqui no Brasil depois de ter suas músicas em temas de grandes novelas da Rede Globo e algumas versões brasileiras. Suas músicas eram uma mistura de country local com pop. O sucesso da moça é estrondoso, tanto que mantém o recorde de a única mulher da história da música a ter três discos de diamante consecutivos.

Se você nunca ouviu a exaltada Man! I Feel Like a Woman! ou a apaixonada From This Moment On com certeza deve ter nascido ontem. Sem contar as marcantes You’re Still The One e You Win My Love.

Agora, falando em versões, com certeza você deve ter ouvido por aí A Mulher em Mim cantada pela Roberta Miranda, que na verdade é The Woman In Me. Ou até mesmo o clássico Etc e Tal cantada por Sandy e Junior, que é uma versao de Any Man Of Mine. Don’t! ficou famosa por ser trilha sonora na novela América, assim como Man! I Feel Like a Woman! ficou famosa em Laços de Família, que por incrivel que pareça, foram temas de Deborah Secco nas duas novelas.

O clássico From This Moment tem um poder emocional tão grande que é a segunda música mais tocada em casamentos, perdendo só pra marcha nupcial. Shania Twain foi uma grande influência para Avril Lavigne e Taylor Swift.

Enfim, eu adoro a Shania Twain e torço para que ela retorne ao mundo musical porque está fazendo falta uma cantora tão madura e talentosa. Vamos aguardar, enquanto isso vamos revivendo o tempo ouvindo suas músicas que já fazem parte das nossas vidas. Sendo fã ou não.

Protegido: VDT: Doente eu, magina!!

Por em |

Este conteúdo está protegido por senha. Para vê-lo, digite sua senha abaixo:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Digite sua senha para ver os comentários.