ARTPOP por Pedro

Por em |

ARTPOP

“Lady Gaga está acabada!”
“Lady Gaga não conseguirá o topo dos charts!”
“Lady Gaga não é mais criativa!”
“Lady Gaga não é inovadora. Apenas copia!”
“Lady Gaga não será mais o fenômeno musical!”
“Lady Gaga está acabada.”

Isso é o que a crítica acha da Lady Gaga e de seu ARTPOP. E você acha que eu ligo?
Eu sou fascinado em tudo que ela faz e seria um review muito chato de fazer, porque iria ser só elogios.
Então só estou postando para deixar registrado meu amor por esse álbum. Esse review será rápido e direto, sem todas as críticas técnicas e apenas as importantes. Ao fim deixarei algumas ressalvas.

1. AURA
“Enigma popstar is fun. She wear burqa for fashion”
A versão finalizada não ficou tão diferente da demo que vazou no meio do ano. A batida pop industrial com influências latinas/orientais são o ápice da música.

2. VENUS
“Rocket number 9 take off to the planet Venus”
Ouço Venus e já me imagino no espaço e toda aquela vibe galática futuristica. Uma viagem, literalmente.
Refrão incrível e amei o brigde onde Gaga chama todos os planetas como se fosse uma chamada ou uma apresentação. Detalhe: é uma 2ª Faixa!

3. G.U.Y.
“I wanna be that guy… G.U.Y.”
Desde o preview eu já fiquei <3 in love <3 com essa música. Esse dub é enigmático e nos transporta para o Born This Way, sei lá. Acho essa música super dark.

4. SEXXX DREAMS
“When I lay in bed I touch myself and I thinking in you “
A favorita de 11 dentre 10 pessoas. Desde quando foi apresentada no iTunes Festival essa música caiu no gosto popular e foi a mais esperada por nós. E o que dizer de Sexxx Dreams? Apenas maravilhosa. Destaque para a parte onde entra um baixo bem tropeçado com a Gaga contando “I cant believe i’m telling you this, but i have a couple of drinks and OMG.

5. JEWELS N’ DRUGS
“com T.I., Too Short e Twista”
Próxima (porque não sou obrigado… até hoje não ouvi essa inteira. que permuta foi essa, Gaga?)

6. MANICURE
“Ma-Ma-Ma-Manicure”
Rockzinha delícia. Tem a fórmula gaga mas beira o marasmo. Não venho muita evolução e nem potencial pra hit. Linha reta, apenas.

7. DO WHAT U WANT (com R. Kelly)
“Do what u want with my booodyyy?”
Amo essa intro psicodélica. Amo Gaga arrasando no estilo Mariah de ser. Amo o feat. do R. Kelly. Amo que essa faixa não era single e acabou virando. Amo.

8. ARTPOP
“Free my mind… ARTPOP… You make my heart stop”
Essa sim é eletrônica trabalhada no cosmo digital da rede de computadores. Mas cadê o batidão?

9. SWINE
“You just a pig inside an human body”
Amo desde a demo vazada. Não mudou quase nada e isso é um sinal positivo. Tem uma intro e trechos eletrônicos, em seguida vem versos tranquilos e depois alguns gritos frenéticos SWIIINE. Como não amar?

10. DONATELLA
“I am so fab check it out, I’m blonde, I’m skinny, I’m rich, and I’m a little bit of a bitch”
A MELHOR MÚSICA. A MÚSICA QUE DEFINE ARTPOP. Ouço e lembro tanto o tecktonik e não tem como não ouvir e só pensar naquela cara toda botocada da Donatella Versace né? E pra mim não muda nada, pois é excelente a cada vez que ouço. Essa permuta sim valeu a pena!E o melhor: essa música não tem apelo nenhum… Não tem cara de single, mas quem sabe? DONATELLA!!

11. FASHION!
“Looking good and feeling fine”
A SEGUNDA MELHOR MÚSICA. A SEGUNDA MÚSICA QUE DEFINE ARTPOP
Quando Gaga disse que Will.I.Am e David Guetta estavam responsáveis pela produção de Fashion! eu pensei: “vai dar merda”! E não é que paguei a língua? A música é fodastica e tem uma vibe disco retrô que eu amo! E nem me parece com as farofas que Will.I.Am está sempre envolvido. E nem me incomodei com a voz dele em alguns momentos e no fim da música.

12. MARY JANE HOLLAND
“Introducing, ladies and gentleman, Mary Jane Holland!”
Doida! Madeon brilhantemente fez de uma música falando de drogas se tornar uma coisa politicamente audível. E vamos combinar, é demais. E claro, sem sentido algum.

13. DOPE
“I’ll keep searching for an answer cause I need you more than dope”
Deu pra perceber que a Gaga tentou fazer algo do estilo You&I mas não deu certo. Eu preciso confessar, a música no iTunes Festival pareceu melhor que a finalizada. Desculpa mundo, mas não estou engolindo Dope. rs

14. GYPSY
“I don’t wanna be alone forever but I can be… tonight”
Linda.. Perfeita! Mirou no Elton John e se deu bem. Gypsy é a faixa mais linda de todo o ARTPOP e tô amando muito esse arranjo. E sinto que Gaga devia ter lançado ela como single ao invés de Dope. TONIIIIIIIIIIGHT!

15. APPLAUSE
“Pop culture was in art, now art’s in pop culture in me”
Por favor! Vendo o potencial de todas as outras, Applause chega a soar como a mais fraca e despreparada. Mas eu a ouvi tanto que estou cansado, saturado e enjoado de todo esse arranjo. A.R.T.P.O.P.

Pra finalizar

A Lady Gaga polêmica e cheia de influências está sumindo. Sem pretensão de chocar e causar desconforto nos padrões, Gaga vem de cara limpa apenas usando a arte como referência. E todo mundo especulou muito sobre o ARTPOP e ela se resume a dizer que pode ser qualquer coisa. Que cada um tire suas conclusões.

Para mim o álbum está espetacular, porém não acho que ele superou o Born This Way e não tem nenhuma Bad Romance. Mas tem Gypsy que vale pelo álbum todo.

Porque ser cult está na moda!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...