No iPod

No iPod: Samantha Mumba

Por em |

Samantha Mumba

Hoje quero deixar uma dica quente e novinha para vocês!
Uma música para vocês ouvirem durante o final de semana e o carnaval inteiro, se gostar mesmo.
Confie em mim e aperte o play abaixo:

Trata-se de “Only Just Begun“, da cantora irlandesa Samantha Mumba que ficou famosa lá nos anos 2000 e desde entao ficou lá, arquivando sua carreira musical. Para voces terem uma noção, ela era empresariada pelo Louis Walsh e tinha um contrato milionário com a Polydor, permanecendo várias vezes no topo dos charts europeus. Mas como era muito nova, decidiu focar em uma carreira de atriz, que também deu certo.

Porém esse ano a moça decidiu voltar a usar sua linda voz para um novo trabalho. Já tem algumas músicas da Samantha na internet, porém essa me chamou a atenção. Vi o link para audição aleatóriamente e ouvi o single: me apaixonei. “Only Just Begun” é uma faixa midtempo com uma pegada electro que conquista no refrao. Produzida por Justin Gray, responsável por alguns hits de Mariah Carey, a faixa não fala mais que uma pessoa que para e ve o que aconteceu em cinco anos de relacionamento. Profunda!

Para quem gostou da Samantha Mumba assim como eu, vale a pena procurar mais coisas sobre ela no youtube. Seu comeback promete, pois a gata já escalou além de Justin Gray, o hitmaker Brian Malouf (que já trabalhou de Michael Jackson a Stevie Wonder) e quer voltar a bombar em 2014 com esse álbum sem nome por enquanto. Sammy também irá sair em turnê com as novas músicas e os antigos sucessos.

Espero que tenham gostado, e que se gostaram mesmo, comente aí falando.
Um bom carnaval a todos. Juízo ein!!

5 músicas não lançadas da Lana Del Rey

Por em |

Lana Del Rey

Lana Del Rey é uma das cantoras da atualidade que garantiu um lugarzinho ao sol quando lançou seu estilo diferente profundo de cantar e expressar sua arte. Alguns amam, outros nem tanto. Porém eu sou do time que a adora e que está ansioso pelo novo material, e enquanto isso estou ouvindo algumas músicas antigas dela que não foram lançadas oficialmente pelas gravadoras, sendo assim, arquivadas. Porém a lista de músicas da moça que não são oficiais é imensa! Esporadicamente vaza na internet algumas faixas e podemos curtir sem culpa e pensar: porque ela não lançou essa? rs

Hoje quero listar cinco dessas músicas não lançadas que são as minhas favoritas e já deixo a dica para quem gosta das musicas da Lana e assim como eu, está curioso pra saber o que vem no próximo álbum, “Ultraviolence”.

5. Go-go Dancer

Essa música é ótima e tem uma batida que foge das que a Lana lançou em seu Born To Die. Pop ela conta sobre uma dançarina que faz tudo que você quer, a menos que a pague para isso. Xi…

4. Hit and Run

Convite para a dança! Hit and Run é ousada e com uma vibe clubber. A letra nem fala de nada muito importante.

3. Break My Fall

Conheci essa música quando foi enviada para Diana Vickers e a mesma gravou sua versão, que não entrou para seu segundo álbum. Mas foi um desperdício, pois a música ficou ótima na voz dela. Break My Fall é bem pop e eu adoro.

2. Jealous Girl

A música do ciume com uma pitada de tango! Amo a parte em que ela diz “Be Agressive! B-E Agressive!” e o refrão que ela afirma que se ela não pode o ter, ninguem no mundo vai poder. #medo.

1. Brite Lites

Descobri essa música da Lana nesse vídeo, e na primeira vez imaginei que fosse um remix. Até porque eu pensava que a Lana não cantaria uma música pop com essa batida animadinha. Baixei a música e até hoje é a minha favorita. Ainda mais por ter essa influencia meio árabe/retrô.

Edit: Fui informado aqui nos comentários que Brite Lites foi lançada sim, porém eu gosto muito dela e não a quero tirar daqui. Então fica aqui dito. Obrigado pela info, leitor! :)

Bom, essas são as minhas favoritas e as que acho mais diferente e que me agradam na voz dela.
E você, gosta da Lana também? Qual sua favorita?
Se não for essas, deixe o nome aí que vou querer ouvir!!

No iPod: Alex Winston – Velvet Elvis

Por em |

Desde que a Lorde começou a tocar na novela, que eu estou muito indignado e com sede de cantora indie desconhecida. Na busca, achei uma exótica, diferente e não conhecida. Cheia de predicados que me agradam, Alex Winston conquistou meu coração com uma música apenas. Essa:

Com uma voz aguda e um visual bem refinado, Alex me ganhou por essa batida indie rock dos tambores e esse pianinho retro. Assumo que ela me lembrou Kate Bush e Sara Bareilles. Estou com uma impressão muito boa da indie estaduniense e já estou ouvindo ela há um tempinho. O vídeo é simples mas nos prende. Eu gosto muito dessa aparência limpa e fofa que ela aparenta.

Alex Winston além de compositora, é multi-instrumentista e foi treinada em ópera. Um talento nato! Uma pena que não seja tão reconhecida por isso, e a única grande divulgação que teve foi em um video sobre o Google Chrome. Sua carreira musical começou em 2007 e ela já lançou um álbum em 2012 e está apostando em um novo single para 2013. Ouvi e não achei tão bom quanto Velvet Elvis, que é de 2011. Vou baixar o álbum depois e se for bom, eu faço um review aqui.

Por enquanto só quero curtir essa música até enjoar.
Espero que gostem e ouçam bastante. E claro, divulguem a moça!

2014 já tem uma dona: Lily Allen

Por em |

Lily Allen

Bom, não necessariamente, até porque tem muita gente boa voltando nesse ano. Mas Lily Allen não vai passar batida não. Polêmica e cheia das verdades, a britânica não poupa palavras quando vai se expressar. E a gente ama isso.

Seus dois álbuns são marcos na história musical e ambos tiveram bons desempenhos. As músicas de Lily são ótimas e lotadas de personalidade. O meu favorito, “It’s Not Me, Is You” é um dos álbuns mais valorizados e muitas músicas foram trabalhadas, logo foi impossível você não ter ouvido alguma. Relembre uma delas, “22”:

Como Lily dá muito valor a sua família, tirou cinco anos para se dedicar aos filhos e por tudo em ordem. E depois de muito esperar, ela está de volta e com a língua mais ferina do que nunca. Uma recente briga no twitter com a cantora também polêmica Azealia Banks, a inspirou em uma nova música e a lição serviu para todas as mulheres que não tem talento e dependem do corpinho para se consagrar na música. O que não é o caso dela, pois ser sexy não é a praia dela.

Se “Hard Out Here” já é boa, Lily vem e lança a já viciante “Air Balloon” que é bem a cara dela. Na primeira vez que ouvi, achei meio irritante e estranha, mas depois que ouvi outras vezes, ela grudou e não sai. Muito gostosinha de ouvir. Na na na na na na… mm…

E pra finalizar também teve o cover de “Somewhere Only We Know” que Lily fez para uma animação que a gente acompanhou no natal passado. O cover ficou incrível e foi bom para matar a saudade da sua doce voz. Se você não viu, eu serei bonzinho e estou deixarando o vídeo aqui em baixo.

2014 promete ser um ano animado para Lily Allen, e ela deve aproveitar o máximo a seu favor. O álbum ainda não tem nome e nem data divulgados mas a gente sabe que virá algo. Como Lily é imprevisível, fará que nem Beyoncé e lancará sem alarde algum. rs

Enquanto isso não acontece, vamos ouvindo o que já temos.

No iPod: Lea Michele – Cannonball

Por em |

Lea Michele

Lea Michele me encanta desde a primeira temporada de Glee, onde a mocinha Rachel Berry deseja ser uma estrela e fazer do coral da escola um espetáculo que toda diva tem direito. Sua personagem nada sexy e com uma voz poderosa conquistou muita gente que até então, torcia o nariz para a série. E a nossa admiração pelo potencial de Lea só aumentou e imaginem a minha felicidade quando ela disse que lançaria um álbum solo? Pirei! E fiquei aguardando muito tempo, até que em 2013 foi confirmado o álbum e lançado um single esmagador!

Cannonball foi a escolhida para abrir os trabalhos e fez bonito! Com composição da nossa hitmaker favorita Sia e Benny Blanco, a música fala sobre querer mudar de vida, tomar novas decisões e se entregar. E a produção impecável ficou com o duo norueguês Stargate que é responsável por 80% dos hits que estão no #1 da música atual. Libertadora, a música já está conseguindo boas posições nos charts e em breve será lançado o clipe. Se você não ouviu, não perca mais tempo e ouça logo!

Seu álbum de estréia chamará “Louder” e já está finalizado, apenas aguardando para ser lançado em fevereiro do ano que vem! O álbum contou com um time poderoso nas composições, a começar Sia Furler, Chantal Kreviazuk, Benny Blanco e a talentosa Christina Perri. Se depender deles, Louder não vai ser esquecido fácilmente!
Algumas faixas do álbum foram dedicadas ao seu namorado Cory Monteith, que morreu esse ano por overdose. Uma linda homenagem, né?

Boa sorte Lea!
Estamos juntos nessa nova fase, e por favor: voe!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...