Videoteca da Semana

Videoteca da Semana

Por em |

Que essa semana foi corrida e passou num piscar de olhos, nem é novidade. Mas de novo o que teve foram os vídeos das queridinhas do Pedro aqui. Distintos e com áureas diferentes, os dois clipes não deixam a desejar.

Nicola Roberts – Yo-Yo
Quando fiz o review do Cinderella’s Eyes, não pude conter o quão gostei dessa música. Simples e com um pop chiclete que adoro. Quando a Nicola anunciou que Yo-Yo seria o terceiro single, quase morri. Claro que imaginei um clipe todo diferente e bem no estilo dos anteriores, mas Miss Roberts me surpreendeu e fez o mesmo que fez com a música: algo simples. Mas tem muito sofrimento, nossa. Fiquei até com dó dela, até tomar banho de roupa ela tomou. hahaha Mas nada supera ela tentando achar a roupa perfeita e ficou com aquele vestidinho e cabelão. Bem chique.

Lady GaGa – Marry The Night
Como se não bastasse dirigir o próprio videoclipe, Gaga decidiu fazer dele um curta metragem e inserir toda sua história antes da fama. Tem muito drama e parece que ela realmente exagerou um pouco, mas tudo para dar aquele peso. Ficou muito complexo e ao mesmo tempo pertubador. A edição está bagunçada e Gaga continua com a mania de mil referências que não fazem sentido ao fim das contas. Mas se peneirarmos o vídeo, vamos ter um dos melhores do ano. A transformação de Stefani Germanotta em Lady Gaga é muito interessante e apesar de tanta dificuldade que ela passou, é uma história de superação. Fico muito feliz de acompanhar a Lady Gaga desde os primórdios e a cada dia me surpreendo mais com essa artista, que tem altos e baixos, como qualquer outro.

Videoteca da Semana

Por em |

Demi Lovato – Skyscraper

Para começar o post, escolhi a nossa diva teen Demi Lovato, que passou por maus bocados e não conseguiu superar alguns problemas e acabou sendo internada em uma clínica de rehabilitação (emocional). De volta a ativa, Demi chamou Kerli para colaborar em seu novo single, Skyscraper, que é uma balada muito profunda e com uma letra que é um desabafo daqueles. O clipe não podia ser diferente, a não ser Demi na imensidão de um deserto onde sua mágoa toma conta e só ela, sozinha no nada, canta como se seu coração estivesse partido em dois. Dá para notar o quanto Demi está mais madura e canta com uma certeza que chega a doer até em quem está assistindo. Detalhe para o finalzinho da música quando ela canta “Go run, run, run… I’m gonna stay right here”.

Pixie Lott – All About Tonight

Da deprê direto pra badalação, Pixie Lott deixa sua fama de boa moça e comportada pra trás e encarna uma bitch bem fogosa que quer curtir esta noite a todo custo. A música é farofa, mas o refrão é muito bom. Pixie atirou em cheio na dance music, mas pelo que soube pelo Anderson, o álbum dela vai ser voltado para o soul, logo vamos ficar com gosto de quero mais. Enfim, o jeito é curtir essa Pixie Lott repaginada.

Melanie C – Think About It

Por fim, e não tão menos importante, a Spice Girl de maior sucesso com carreira solo: Melanie C! Para 2011, Mel C preparou um novo trabalho chamado “The Sea” que em breve será lançado, já que dois singles já estão sendo divulgados. Em “Think About It”, a Sporty Spice se joga num suposto chromakey que muda conforme a batida da música. Em meio caras e bocas e poker faces, Mel C dança muito e exala felicidade. Simples e muito bonito, onde a edição também foi bem feita, pois as projeções em alguns momentos parecem ser de verdade, se é que me entendem.

Judas está em você, bem aqui!

Por em |

Um vídeo foi lançado ou bombou nessa semana? Pode ter certeza que se ele for bom, e eu gostar, vai ser postado aqui com aquela crítica nossa de cada dia.

O título soou meio estranho, mas é que juntei o titulo dos três clipes que vou comentar hoje que bombaram essa semana.

Lady GaGa – Judas

Todo mundo ficou muito ansioso quando Judas foi anunciado como single e que teria um videoclipe bastante ousado e intrigante. No mesmo, Lady GaGa traz pra sua música, a polêmica passagem da Bíblia em que Judas trai Jesus com um beijo. Para não se fazer de rogada, Srta. Germanotta deu um jeitinho de provocar mais ainda a igreja e resolveu interpretar Maria Madalena, porém em uma versão modernete e cheia de danças e gingados pra lá de envolventes. O choque da vez fica por conta da menção a cerimônia do lava pés e o “apedrejamento” de Maria Madalena. Acompanhe:

Jennifer Lopez – I’m Into You

Jenny From The Flop tá aproveitando que seu Love? está sendo sucesso nas paradas, para lançar mais um clipe que é bem a cara dela. Ela passa a música aproveitando os carinhos de um homem que veio do mar e fica feliz por estar nele. Jennifer Lopez está muito linda e uma das partes que mais gostei foi o break de Papi. Espero que esse seja o próximo single 💡 Enfim, agradeci muito a Deus por não ter aparecido o arroz de feat Lil’ Wayne no vídeo. Na música ficou legal, mas não vamos brincar com a sorte né, JLO?

Nicole Scherzinger – Right There (ft. 50 Cent)

A música é tão boa, que nem precisava de feat algum. Mas enfim, o clipe da Nicole Scherzinger ficou legal até. Eu achei bem digno aos que ela fazia junto ao PCD, e nesse vídeo só concluiu que Nic canta e dança muito bem. Acho que deveria ter colocado “alguem” para ficar tocando a Nicole, até porque a música fala disso. Tirem suas conclusões:

Sei que houve outros lançamentos, mas só esses que achei que deveriam serem comentados aqui. Até porque são esses artistas que gosto e que vocês já sabem que vou falar sobre.

Agradecemos a preferência!

Videoteca da Semana

Por em |

Um vídeo foi lançado ou bombou nessa semana? Pode ter certeza que se ele for bom, e eu gostar, vai ser postado aqui com aquela crítica nossa de cada dia.


1º: Katy Perry – Firework

Se eu tenho uma diva de videoclipes, essa é Madonna. Mas ela ultimamente tá enferrujada e as suas “seguidoras” estão dando conta do recado. Katy Perry é uma delas: quando o assunto é produzir um videoclipe, Katy tira de letra desde Hot ‘n’ Cold, Waking Up In Vegas, California Gurls e o recem lançado Firework. O clipe não tem uma super produção e nem um roteiro diferente e exótico, e sim uma responsabilidade clichê e emociante. Com tanto dilema junto, Dona Perry fica feliz e começa a soltar fogos de artifícios pelos peitos e contagia o lugar tornando as pessoas mais felizes também. Simples assim.


2º: Nicole Scherzinger – Poison

Quando saiu um sneak peek da música, eu gostei tanto que fiquei sem dedo com tanta ansiedade. Ainda mais quando soube que quem havia produzido a faixa era Red One, e meio que não tinha como não ser boa. Nicole vem buscando o seu ‘lugar ao sol’, mas tá dificil. A música, na minha opinião, já é HIT. Dai vem um clip desse e faz tudo perder. Joseph Kahn foi o responsável pelo filminho em que a Nicow é tipo uma super-mulher e uma vilã ao mesmo tempo: tudo num chromakey, muitos efeitinhos visuais e dancinhas a la PCD. Eu gostei, mas cadê o VENENO da Scherzy nisso tudo? Ficou guardado ou essa Nicole não é perigosa o bastante pra dar o bote?


3º: Darin – Lovekiller

Eu tomei um banho de água fria quando baixei o cd novo do Darin e não tive muita vontade de ouvi-lo mais como o álbum debut, Flashback. Dessa vez, Darin está todo sentimental e trabalhado nas baladas, na quais eu não gostei muito. Mas enfim, o videoclipe da faixa-titulo do álbum foi lançado e o clipe bem que me deixou mais animado. Com uma vibe de CSI e Deja Vu, Dari faz uma viagem e vê sua morte e a sentença de sua assassina, porém no sentido amoroso da coisa.


4º: Robyn – Indestructible

Ultimamente eu ando muito feliz com as descobertas que ando fazendo, e umas delas foi a Robyn que não me decepciona nunca. Eui acho que nunca falei dela aqui porque tô esperando ela lançar a última parte do seu projeto Body Talk pra fazer um combo. No clipe, Robyn tá toda voyeur e observando o povo se amar com um vestido cheio de mangueiras transparentes simbolizando as veias do corpo, sei lá, meio que indestrutivel para combater. A música é tão boa e bem remixada, que todo o clipe vale a pena.

E aí? O que você achou desses clipes? Pra mim foram os mais relevantes.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...