Recap: Glee 2×02 Britney/Brittany

Por em |

E aí pessoal? Essa semana fiquei por conta do novo layout do blog e a princípio só iria postar quando o mesmo estivesse pronto. Mas como vocês sabem o seriado Glee homenageou uma das minhas cantoras preferidas, Britney Spears e eu não poderia deixar passar em branco não é?

O episódio foi muito legal e as versões para as músicas ficaram muito boas e nem passaram a qualidade da original. rs Por isso vou fazer um recap como da última vez. Se você não curte SPOILER, não leia esse post.


HAHAHA Já no começo a Santana faz um trocadilho. Todo mundo se lembra do menino (?) que protegia a Britney no Youtube? Então, a frase dele virou bordão, relembre aqui.


A Emma pediu pra seu namorado, o dentista Carl, a dar uma orientação na escola. Do glee os que não foram aliviados foram Rachel (por genética judaica), Artie (por não ocnseguir se enxergar no espelho e fazer uma escovação precária) e Brittany (por escovar os dentes e enxaguar a boca com Dr. Pepper – um refrigerante).


Na performance de I’m Slave 4u resolveram misturar os clipes de Oops!… I Did It Again, Toxic e a épica apresentação com a cobra. A Heather Morris arrebentou, pois dançou pra caramba.


Ótima releitura do sucesso de Brit e Madonna: Me Against The Music. E no finzinho tem até a Britney onversando com a Brittany. 😀


Brit Bitch falou pouco, mas fez bonito. Eu adorei a aparição rápida na série, tipo, pelo menos ela foi e agradou todos os fãs.


Blá Blá Blá… Rachel pedindo pro Finn escolher entre ela e o anonimato ou o futebol e a popularidade. Enfim, ela aceitou ele e ele ficou com tudo junto e misturado.


Eu adoro os personagens secundários, e a Becky é a minha preferida. Ela é tão bonitinha, meio que o braço direito da megera Sue. rs


PÁRA TUDO! Chuva de figurantes no ar. E o melhor são as caras e bocas que eles fazem. HAHAHAHA


Outra piadinha: Rachel fazendo o David depois do dentista. kkkk Relembre o viral aqui.


E a treinadora Beist mudando de lado, meio que traindo o movimento das vilãs sapatonas más. kkk Eu gosto dela, só quero ver quando ela fizer um solo. 😀

Enfim, sobre as músicas e performances eu achei todas muito boas. Toxic aproveitaram a dança de Smooth Criminal do Michael, pq olha…. tava idêntico os passos.

…Baby One More Time ficou igual a original mesmo. Stronger foi quase um Single Ladies 2.0.

The Only Exception ficou perfeita, e foi por pouco que não me emocionei. -not A Lea pelo menos cantou com tanta vontade que achei que foi melhor que BOMT. Os solos dela sempre são os melhores, não há como negar.

Até a próxima. 😀

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...