michael jackson

2ª Faixa: Realeza Pop

Por em |

Se tem uma coisa que andei percebendo enquanto ouço música, é que em quase todos os álbuns, a segunda faixa tende a ser boa. Meio que um fullgás para o ouvinte.

Dessa vez resolvi colocar uma das 2ªs faixas dos álbums das maiores lendas do pop, e minhas preferidas claro.

Michael Jackson – Bad

The Way You Make Me Feel
Madonna – Hard Candy

4 Minutes
Kylie Minogue – X

Like a Drug

Lady GaGa – Born This Way

Born This Way
Britney Spears – Britney

Overprotected
Christina Aguilera – Bionic

Not Myself Tonight

E na sua opinião, qual 2ª faixa de qual cd é boa? Comente aí!

A volta póstuma de Michael Jackson

Por em |

Muito confuso esse título né? Foi o que senti ao ouvir o cd “novo” do rei do pop, Michael Jackson, que morreu há um ano por causa de uma overdose de medicamentos e aquela historia grande que todo tablóide contou de diversas maneiras.

O projeto de Michael sairia esse ano, mas com sua animação para voltar aos poucos falou mais alto e o cd novo foi arquivado. Após a morte do astro, a Sony decidiu lançar algumas músicas de Michael que constava em seu poder.

A polêmica do cd póstumo

Muita gente está torcendo o nariz e achando o lançamento só uma jogada de marketing. Bom, eu também. Mas eu só achei desrespeito com o MJ porque ele mesmo havia pedido pra não lançarem essas músicas pois não estavam prontas do jeito que ele queria “presentear” os fãs. Os artistas que ajudaram na finalização do álbum estavam de acordo mas a família e os amigos tiveram suspeitas se os vocais realmente pertecem ao rei do pop.

O que Michael escondia a sete chaves

O cd não é o Michael Jackson que eu tanto gostava durante a era Bad. Tudo bem que rola aquele lance que a Sony só tem direitos das músicas lançadas a partir da era Dangerous, mas queria muito os hits 80’s aqui no player. Enfim, todas as músicas lançada no “novo” álbum tem uma sonoridade incrível e bem ao estilo de Michael Jackson durante os últimos anos. O cd está voltado pro pop electro e todos os produtores envolvidos fizeram o que puderam pra deixar com uma essência MJ, mas ó, nem chegou tão longe.

O álbum começa com Hold My Hand, um dueto que já tinha sido lançado a um tempo atrás com Akon e faz a faixa ser bem equilibrada pois os instrumentos não entram em conflito. Hollywood Tonight começa com um canto meio clássico e logo MJ faz aqueles raps kinda beatbox com a boca e segue a batidinha bem Invincible, o refrão é bem chiclete. Keep Your Head Up faz com que o clima Invincible continue e a voz de Michael é colocada a prova, fazendo uma linda música, claro.

Tocada no piano e com aquele monte de vozes, (I Like) The Way You Love Me traz todo o romantismo de Mike e de quebra a vibe Thriller com uma pitada de Dangerous. Monster está longe de nos assustar, e tem a melhor batida e com momentos em que vidros se quebram e tudo aquilo que a gente gosta. Até 50 Cent entra na brincadeira e manda um rap na faixa. Best Of Joy é uma faixa mais voltada pro soul e deixa uma leveza que a gente até esquece que essas músicas tão boas que o rei do pop estavam escondendo de nós. Breaking News é uma Leave Me Alone 2.0 porém com a vibe Invincible novamente. (I Can’t Make It) Another Day começa despretenciosa e depois arrebenta com um rock com o feat. de Lenny Kravitz. Essa é uma das melhores do cd. Até chegar Behind The Mask que é ovacionada com um safoxone triste e melódico, chega então o ritmo de MJ e aí a música se desenrola. Eu acredito que essa faixa foi uma das resgatadas da era Bad (a era em que MJ andou soltando suas verdades nas letras), sem dúvidas é minha preferida. Much Too Soon começa com acordes leves e com uma vibe tão gostosa e profunda, parece um dia que nunca quer que acabe sabe?
Ok, eu fui longe demais, mas sei lá, é muito estranha essa sensação de ouvir algo de alguem que marcou a história de uma geração e não poder o ver recebendo o carinho dos fãs e tals.

Enfim, espero que os fãs aproveitem assim como eu, um trabalho não tão genuíno, mas talvez único.

Ivete Sangalo no Madison Square Garden

Por em |

Muito se falou quando Ivete Sangalo disse a imprensa que queria ousar e fazer um show internacional, e de quebra, em Nova York. Claro que a cantora mais adorada do Brasil fez o maior burburinho e não demorou muito pra lançar a faixa Acelera Ae e se tornar viral e aumentar mais nossas expectativas né?

O dvd com o show no Madison Square Garden foi lançado hoje, mas o áudio já caiu na rede na sexta-feira e eu já baixei e pude comprovar que Ivete fez bonito lá fora. Mas como Ivete é Ivete, não poderiamos esperar muito e algo super diferente. A fórmula dos lives em parceria com o Multishow só vem melhorando, inclusive ter convidados. Nesse trabalho Ivete canta com Nelly Furtado, Seu Jorge, Juanes e Diego Torres. Um destaque do dvd são algumas faixas em inglês, espanhol e um cover de Human Nature de Michael Jackson numa versão totalmente em axé.

Eu recomendo que baixem rapidinho e que curtam esse cd que merece estourar no player de todos vocês. Estarei sendo egoísta com Veveta, pois adorei todas as músicas novas e as “regravações”, mas a mais épica pra fim é Festa/Sorte Grande:

Pra baixar o cd é só clicar aqui. Depois me digam o que acharam. 😛

Michael: Últimas Noticias

Por em |

Calma gente, é o seguinte: há um tempo atrás eu postei aqui no blog falando que a Sony iria lançar um cd com músicas nunca lançadas do Michael Jackson. E eis que é verdade mesmo e será o presente de natal de muitos fãs do eterno rei do pop, já que será lançado dia 14 de dezembro.

A capa do cd é essa acima e por incrivel que pareça, foi toda pintada pelo pintor Kadir Nelson e retrata diversos momentos da vida do cantor e suas marcas registradas. Por mais grotesca e estranha que seja a capa, dá pra sentir que isto é Michael. Tudo o que ele fez não foi nada menos do que impressionar e deixar as pessoas confusas e ao mesmo tempo deslumbradas.

Eu que sou fã vou achar tudo muito bonito e tals, mas o que importa é que estão deixando mais uma lembrança dele pra gente sempre guardar e relembrar. Eu acho a idéia do marketing em cima de tudo é muito errada e cheia de interesse, lógico. Sem contar que esse álbum está gerando muita polêmica.

Como disse, o cd é uma coletânea com músicas jamais lançadas por Jackson e guardadas a sete chaves. Muitos acreditam que nem há vocais dele nas músicas e que talvez ele não queria lançar tais faixas por alguns motivos. Estão violando a opinião dele por causa de dinheiro. Mas se vai ou não valer a pena vamos saber em breve.

Abaixo tem um video-teaser do primeiro single do “novo” álbum, Breaking News; no qual MJ deve criticar os tablóides como em Leave Me Alone.

No fim do vídeo toca um trecho instrumental do single que se parece muito com as músicas da era Dangerous. Eis que o single foi lançado hoje, e apesar de ser uma musica do Michael, não percebi os vocais potentes dele. ➡ A música é boa demais, mas tá faltando a cereja no bolo viu. Acho que MJ tinha razão. Ouçam abaixo:


Michael Jackson – Breaking News (baixe a musica aqui)

Uma pena o próprio Michael nao estar vivo para ver nossa alegria, depois de um ano de tristeza.

O mundo 2.0 do Bieber

Por em |

Todo mundo sabe bem que é Justin Bieber e isso já me poupa um pouco do trabalho de apresentar ele a vocês né? Bom, a Amanda pediu para fazer um review do cd do Justin e cá estou. Eu não fã do Justin, até porque não gosto muito de cantores que são modinha e todo mundo gosta. Sou daqueles que adora um flop, e Justin Bieber não se encaixa nessa categoria. Mas eu tinha curiosidade de baixar o cd dele para saber o que tem alem de Baby Baby Ohhhh. Preparados? Dê play no player a baixo e vamos lá!!

O EP do Justin começa com a faixa mais tocada do momento (depois de Stereo Love, né? ¬¬) Baby é uma faixa mista de pop e r&b, que tem a participação de Ludacris, refrão chiclete e que não sai da cabeça. Logo vem a pop dance viciante Somebody To Love, a minha música preferida dele. Stuck In The Moment, baladinha pop com batida constante, muito boa tambem. U Smile totalmente a cara do Justin essa faixa. O piano com a bateria deixou a faixa bem retrô. A intro de Runaway Love me lembrou as musicas do Michael Jackson época Dangerous. A música é boa, mas o agudo do Justin enfraquece a faixa, mas não é nada demais tambem. Em Never Let You Go, Bieber acerta novamente, baladinha boa de ouvir e dá vontade de cantar junto. Investindo nas baladinhas, Justin divide Overboard com Jessie Jarrell e apesar de ser uma faixa R&B, deu uma sintonia bem legal. Rihanna também iria adorar participar dessa faixa, é bem o estilo dela. Para animar, Sean Kingston chega com Eenie Meenie no talo, outra ótima misturinha de R&B com pop dance – vale destaque. Up é bem retrô tambem, no estilo No Doubt da palavra, baladinha com batida de guitarras tristes. Pra finalizar, That Should Be Me vem com um violão solado com violino suave, até pra fugir um pouco do foco do álbum.

Sem dúvida o Justin Bieber investe muito em baladinhas e está sempre conquistanto mais fãs. Eu continuo gostando de algumas músicas dele, as mais dance pop, claro.

Veja o clipe de Somebody To Love

Eenie Meenie

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...